Marketing de conteúdo: o que é, como fazer e suas vantagens

 Inbound marketing 
Conteúdo rico e relevante atrai visitantes e aumenta a credibilidade do seu negócio

Marketing de conteúdo: o que é, como fazer e suas vantagens

  

O marketing de conteúdo é tão antigo quanto a internet, mas foi nos últimos anos que esse termo ganhou maior notoriedade, dada a sua importância como estratégia para divulgação de uma marca. E não foi à toa; com ele, empresas podem mostrar que dominam características de seus produtos e serviços, bem como os assuntos relacionados a eles.

Conteúdo é um termo amplo e pode ser trabalhado de diversas formas, seja por áudio, texto ou vídeo. É com ele que muitos especialistas mostram domínio sobre suas áreas, criando maior relevância para imagem pessoal ou de uma empresa. Entretanto, isso só acontece quando há qualidade no material produzido.

Mas como fazer marketing de conteúdo? Aliás, o que é marketing de conteúdo? É o que explicamos abaixo!

 

O que é marketing de conteúdo?

 

Marketing de conteúdo é uma forma de engajar o público-alvo, possivelmente convertendo-o a cliente. E isso é feito por meio da criação de conteúdo relevante. O marketing de conteúdo é usado para atrair leitores do seu blog, espectadores do seu vídeo ou ouvintes do seu podcast, e essa atração fará com que esse público tenha uma boa percepção da sua marca.

O marketing de conteúdo serve para trazer informações valiosas. O intuito dele não é vender diretamente, mas sim ensinar algo novo – e a venda pode ser apenas um caminho natural a ser seguido, depois que o seu potencial cliente se convenceu de que a marca é confiável.

E é aí que voltamos a uma questão muito importante:

 

O que é conteúdo relevante?

 

O marketing de conteúdo considera um público-alvo para direcionar a criação de um material específico voltado para assuntos relacionados à marca que quer divulgar seus produtos e serviços.

Este material precisa fazer sentido com a proposta da empresa! Do contrário, imagine como seria se uma fabricante de CDs decidisse produzir conteúdo sobre sapatos; simplesmente não faz sentido! Agora, se essa fabricante de CDs optasse por escrever um texto com curiosidades sobre a banda que está lançando o mais novo álbum, o marketing de conteúdo faria sentido e poderia fazer com que os leitores se interessassem em comprar o CD.

A relevância se dá pelo interesse do público-alvo, mas também por como o conteúdo é trabalhado. Uma informação de qualidade é bem apurada e bem apresentada! Alguns fatores contam muito para dar credibilidade à mensagem que sua empresa ou agência passa para seu público:

 

·      Ótima redação, atentando para não cometer erros de digitação e ortografia;

·      A informação precisa ser muito bem estudada antes de ser publicada;

·      Definir qual tipo de linguagem será utilizada – coloquial, formal, intimista, mesclando mais de uma, etc.;

·      Organização do texto – não começar uma ideia em um parágrafo e continuá-la parágrafos adiante, isso causa confusão ao leitor.

 

Nem todas as empresas dão a importância que o marketing de conteúdo merece para funcionar da melhor maneira, e não se atentam aos tópicos acima. E, com isso, acabam deixando essa estratégia de lado por acreditarem que ela não é positiva e traz retorno.

O marketing de conteúdo se baseia na metodologia Inbound – ou melhor, faz parte dela. É o que explicamos abaixo:

 

O Inbound Marketing

 

A palavra-chave do inbound marketing é sutileza. A metodologia consiste em qualquer estratégia que procure atrair pessoas de maneira sutil. Isso significa que uma propaganda de televisão ou qualquer anúncio que apareça sem a vontade dos potenciais clientes não se enquadra como estratégia de inbound.

A atração de pessoas possibilitará que elas escolham o momento de interagir mais com a sua marca, já que uma construção da confiança começará após o primeiro contato, contato que o conteúdo tenha sido bem estruturado.

O inbound marketing segue quatro passos para fazer a venda de maneira sutil:

 

·      Atrair;

·      Converter;

·      Vender;

·      Encantar.

 

Ou seja, um conteúdo relevante é publicado e atrai visitantes interessados em um determinado negócio. Com a publicação, o objetivo será converter esses visitantes em leads, ou seja, potenciais clientes. Assim que o lead mostrar interesse em comprar, esse é o momento de vender. Mas o processo não acaba aí; é necessário encantar o cliente, nutrindo o relacionamento para que este seja duradouro, o que o incentiva a manter sua marca na vida dele e, consequentemente, a comprar mais no futuro.

 

E por que fazer marketing de conteúdo?

 

Como o marketing de conteúdo faz parte do inbound marketing, é natural que a parte do encantamento seja importante para que uma campanha tenha sucesso e a sua marca fique com uma imagem positiva pelo máximo de tempo possível.

O marketing de conteúdo tem vários benefícios, e agora que explicamos o que ele é e no que se baseia, vamos falar das vantagens:

 

1)    Credibilidade

 

Já falamos sobre a qualidade do conteúdo e a importância da relevância. Isso serve para que a sua marca tenha e passe adiante a credibilidade. Pense em uma marca que você goste; é nela que sua confiança está depositada! E isso aconteceu por causa da segurança que ela passou ao se comunicar com você. Credibilidade!

 

2)    Mais conteúdo, mais tempo de visita

 

Nutrir o visitante do seu site com informações relevantes fará com que ele passe mais tempo navegando. Aos poucos, o interesse dele vai aumentando, assim como as chances deste visitante fechar negócio com sua marca. Mas lembre-se: conteúdo mal produzido trará o resultado oposto!

 

3)    Espalhe o conteúdo

 

Esse tópico é uma continuação do anterior. Quanto mais conteúdo, mais oportunidades de propagação da sua marca. Como? Mídias sociais, como Facebook, Twitter, Instagram, YouTube, Vimeo e LinkedIn, são pontos de contato que você pode ter com um público-alvo. Cada mídia possui um foco de transmissão da comunicação, ou seja, umas trabalham vídeos, outras fotos e assim por diante. Vai da estratégia da sua agência ou empresa de como comunicar com cada público – afinal, cada serviço ou produto possui diferentes características.

 

4)    Puxando assunto

 

Assim como o conteúdo pode ser propagado por mídias sociais, ele também pode ser usado como nutrição de um lead ou relacionamento com o cliente. A vantagem do marketing de conteúdo é que ele permite trabalhar diferentes etapas do funil de vendas. Como já dissemos lá em cima, enviar uma informação valiosa pode instruir seus clientes e os levarem a realizar novas compras, e o mesmo pode acontecer com leads quando comprarem pela primeira vez. Resumindo: o conteúdo que sua agência ou empresa produzir será ótimo para puxar assunto com a sua base de leads e clientes!

 

5)    Otimizando as vendas

 

Quanto mais informação um cliente tiver, menor sua necessidade de recorrer à sua empresa por dúvidas diversas. Isso significa que o seu time de vendas possui mais tempo para pensar em novas estratégias, além de poder interagir de maneira diferenciada com os clientes mais próximos e fiéis.

O marketing de conteúdo traz maior confiança do consumidor em sua marca, e um cliente confiante acaba gastando mais e recomendando o serviço ou produto, caso o atendimento seja eficiente.

 

Esperamos que esse texto tenha esclarecido o Marketing de Conteúdo e mostrado suas vantagens como estratégia de divulgação de sua marca, relacionamento com leads e clientes, além de explicar como fazer um conteúdo relevante.

 

 

Você já viu o que nossos usuários estão falando da nossa plataforma? Leia uma review sobre a Metlycs na Kmaleon!

Cadastro realizado com sucesso!
Não foi possível realizar o cadastro, tente novamente.
Receba nossa Newsletter